Pilates ou Yoga, qual é o melhor treino?

Entenda as diferenças e benefícios de cada um deles

Definir qual das atividades é melhor fica praticamente impossível, ambas possuem benefícios, o que define qual delas você irá escolher é o seu objetivo. Assim, o que pode ser melhor para mim não seja para você e assim por diante.

 

CONHEÇA UM POUCO DA HISTÓRIA DE AMBOS

YOGA

Há 5 mil anos, no noroeste da Índia, um famoso dançarino improvisava movimentos instintivos, no entanto muito sofisticados. Era algo espontâneo e ao mesmo tempo elegante.

O dançarino conseguiu transmitir boa parte do seu conhecimento. Até que um dia, muito tempo depois, veio a falecer, e seus discípulos preservaram sua arte intacta e assumiram a missão de retransmiti-la. A mesma foi chamada de integridade, integração e posteriormente união, que em sâncrito significa Yôga.

PILATES

 

Em 1883 nasce Joseph H. Pilates na Alemanha, o criador do método.  Seu pai era um famoso ginasta e sua mãe naturopata (técnica cuja definição é o estímulo do corpo para a autocura). As atividades exercidas pelos pais de Joseph, o motivaram e incentivaram suas idéias.  Em sua infância, sofria de algumas doenças decorrentes de sua saúde frágil, e decidiu então, dedicar-se a melhorar sua força e sistema imunológico. Assim, apostou na postura e respiração.

Na adolescência, Joseph possuía um corpo muito desenvolvido para a idade, devido aos exercícios praticados. Ele aprofundou seus conhecimentos e também estudou a medicina tradicional chinesa, musculação, boxe, mergulho, kung fu, os movimentos dos animais e ginástica. O conjunto de todos esses treinos influenciou no desenvolvimento das técnicas e movimentos do Pilates.

 

DIFERENÇAS E BENEFÍCIOS

Ambas as atividades não foram criadas para serem exercícios físicos. A Yoga é milenar e tem por principal objetivo integrar corpo e mente num corpo sadio. Dentro dela existem divisões que tem focos diferentes, seja na filosofia que a Yoga prega, seja na questão das posturas e exercícios.

O Pilates prioriza a estabilidade muscular aliada à flexibilidade, foi usado como método terapêutico de recuperação de soldados durante a II Guerra Mundial. Enfim, como o objetivo inicial não era o exercício físico como prática em si, alterações foram feitas e hoje temos as versões mais modernas de ambos. Vejamos alguns pontos de ambas as práticas.

  • O Pilates pode gastar até 900 calorias no total, já a Yoga pode chegar ao gasto de 800 calorias
  • Ambas promovem uma melhora de fatores como força, flexibilidade, resistência muscular e coordenação motora.
  • Ambas aumentam a resistência física, melhoram a postura e contribuem para a flexibilidade.
  • Enquanto a Yoga trabalha o corpo como um todo e busca também o equilíbrio da mente, o Pilates trabalha mais o corpo em partes específicas
  • Pilates e Yoga, aliadas a uma alimentação saudável, contribuem para o emagrecimento e para uma boa forma física

O importante em ambas as práticas é manter o foco. Se estiver em dúvida, faça uma aula experimental de cada uma e escolha qual é a melhor técnica para você.